Especial da Semana Santa: receita de bacalhau à Gomes Sá

Todo mundo que gosta de bacalhau já provou este prato e provavelmente, assim como eu, não faz ideia de por que raios ele tem este nome. Como a curiosidade mata e a Wikipedia está aí pra isso mesmo, vamos acabar com essa dúvida agora mesmo. José Luís Gomes de Sá foi o cozinheiro  e dono do Restaurante Lisbonense, no Porto, que supostamente inventou esta receita.

Como está é uma receita fácil e bem simples de fazer, é uma boa opção para o festas como Natal e Semana Santa.

Ingredientes:

  • 800 gramas de bacalhau dessalgado e em lascas
  • 1 kg batatas grandes
  • 3 ovos cozidos
  • 3 cebolas
  • 3 dentes alho
  • 1/2 xícara de chá de azeite
  • 1 ramo salsa
  • Sal grosso
  • Quantidade que baste de sal refinado
  • Pimenta do reino moída
  • 1 xícara de azeitonas pretas
  • Leite suficiente para cobrir o bacalhau

Modo de fazer:

  • Limpe as peles e espinhas do bacalhau e separe a carne em lascas. Coloque-as num recipiente, cubra com leite quente e deixe repousar cerca de 1 hora. Escorra.
  • Cozinhe as batatas inteiras e com pele em água temperada com sal grosso, por mais ou menos 35 minutos. Não deixe cozinhar demais para não desfazer. Deixe esfriar um pouco, descasque as batatas e corte em pedaços pequenos.
  • Pique as cebolas em meias luas. Coloque numa frigideira larga e refogue em azeite, juntamente com alho picado, até ficarem transparentes.
  • Misture as batatas ao bacalhau com cuidado para não desmanchar muito. Prove o sal e  tempere com pimenta.
  •  Coloque num tabuleiro, regue com azeite e leve ao forno preaquecido a 200 graus por 15 minutos.
  • Retire do forno e decore com ovos cozidos e cortados em rodelas ou picados, salsa picada e azeitonas pretas. Sirva quente.

Receita de fritada de cogumelos e cebolinha

Esta receita de fritada de cogumelos com cebolinha foi inspirada em uma que vi no site da minha diva, a Martha Stewart. Vou ser que nem ela quando crescer!

Ingredientes:

2 colheres de azeite de oliva

12 cebolinhas (partes brancas e verdes) cortadas em pedaços de 4 cm

400g de cogumelos (usei shimeji e champignon) cortados em fatias

8 ovos

1/2 xícara de chá de queijo parmesão ralado

Margarina para untar ou papel manteiga já untado

Sal e pimenta do reino moída

Modo de fazer:

– Preaqueça o forno a 350 graus.

– Em uma frigideira média, aqueça o azeite. Junte a cebolinha e os cogumelos e refogue. Tempere com sal ao seu gosto. Tampe e deixe cozinhar por 15 minutos. Retire do fogo e reserve.

– Em uma travessa, bata juntos os ovos, sal e pimenta.

– Junte os ovos e o queijo aos cogumelos refogados.

– Unte um refratário ou forre com papel manteiga já untado. Adicione o preparado e leve ao forno a 200 graus por 15 minutos.

– Sirva com salada verde.

Mercado Les Enfants Rouges

Eu, meu marido e minha filha fizemos uma viagem maravilhosa agora em janeiro. França e Itália. Ai que maravilha!

Claro que entre um museu e outro, Dona Tetéia parava milhares de vezes para fotografar e provar delícias das culinárias fantásticas desses dois países.

Como alugamos apartamentos nas cidades em que passávamos, acabei cozinhando quase todos os dias. Publicarei algumas receitinhas depois.

Hoje trago pra vocês uma dica incrível, o Les Enfants Rouges. Construído em 1615 pelo rei Luis XIII, é o mercado de comida mais antigo de Paris. Fica na Rue de Bretagne, no Marais, um dos bairros mais elegantes da cidade.

O legal é que, além de vegetais, peixes e frutas frescas, você encontra neste mercado diversos pequenos restaurantes com os mais variados tidos de comida.

Vale muito a pena passear por este bairro incrível numa manhã de domingo, curtindo todas as lojas de antiguidades e brechós que você só encontra aqui e fechar com um almoço delicioso no Les Enfants Rouges.

Ah, Paris…

Le Marche des Enfants Rouges
39 rue de Bretagne
Horários: terças, quartas, quintas e sextas, das 8h30 às 13h e das 16h às 19h30. Sextas e sábados, das 8h30 às 13h e das 16h às 20h. Domingos, das 8h30 às 14h

Metrô: Filles- Calvaire ou Temple

Cursos de culinária

Estou fazendo uma pesquisa sobre escolas de culinária e resolvi compartilhar os endereços.

Rio de Janeiro

Criações Gastronômicas (da chef Flávia Quaresma)

(21) 2537-2274 ou (21) 2226-0085

* * *

Escola de Gastronomia Cláudio Ribeiro

Avenida das Américas 3555, Bloco 2 Sala 307 – tel: 21 2235.0535

http://www.claudioribeiro.com.br/

* * *

Senac Rio

http://www.rj.senac.br/

* * *

As Marias

Av. Nossa Senhora de Copacabana, 1.229, sala 202, Copacabana, zona sul, Rio de Janeiro, tel. 0xx21/2287-6587

http://www.asmariasculinaria.com.br/

* * *

Ma Cuisine

R. Figueiredo de Magalhães, 226, sala 301, Copacabana, zona sul, Rio de Janeiro, tel. 0xx21/2236-4911 e 2256-9099

http://www.macuisine.com.br/

* * *

Escola do Pão
R. Gen. Garzon, 10, Lagoa, zona sul, Rio de Janeiro, tel. 0xx21/2294-0027

http://www.escoladopao.com.br

* * *

Garcia & Rodrigues
Av. Ataulfo de Paiva, 1.251, Leblon, Rio de Janeiro, tel. 0xx21/2512-8188

http://www.garciaerodrigues.com.br
São Paulo

Mille Foglie

http://www.millefoglie.com.br

(11) 3083-6777

* * *

Escola Wilma Kovesi de Cozinha

http://www.wkcozinha.com.br

(11) 3082-9151

* * *

Atelier Gourmand

http://www.ateliergourmand.com.br

(11) 3060-9547

* * *

Cooking Spicy

http://www.spicy.com.br

0800 168 388

* * *

Béth Soâres Paladar & Requinte

http://www.bspaladarerequinte.com.br

(11) 4195-1168
Gratuitos em diversas cidades

Centro Culinário Walita

Belo Horizonte (MG), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP). http://www.centroculinariowalita.com.br

Casa Gourmet Arno

http://www.casagourmet.com.br

Restaurante-Escola São Paulo

Viaduto Jacareí, 100, Centro, com entrada também pela Rua Santo Antônio, 203, onde fica o estacionamento

Belo Horizonte

Centreinag Ltda

Rua Jair Gomes Bastos 189

Tel.: 31 34122431

Chez Fátima
Rua Raul Pompéia, 196 – Belo Horizonte – MG, 30330-080
(0xx)31 3282-5474‎

Le Cordon Bleu

Ontem eu fui jantar na Livraria da Travessa e aproveitei para dar uma olhada nos livros de culinária. Fuça daqui, fuça dali e eu dei de cara com ele, meu sonho, meu objeto de desejo: Todas as Técnicas de Culinária – Le Cordon Bleu.

Estava de olho nessa bíblia, mas 220 pratas é bem carinho. Cheguei em casa e fui olhar o site da livraria. Pra minha surpresa, estava a R$ 173. Saquei meu cartão de crédito e mandei ver. Chega semana que vem….

Também fiquei de olho no livro da Nigella. Mas achei as receitas meio calóricas. No entanto, estava navegando no blog Madames na Cozinha, que postou uma receita de bolo de banana com chocolate do livro. Fiquei com vontate de comprar também. Será minha próxima aquisição. Thanks pela dica, Madames.

De casa nova!!

Depois de um período de ausência, quase um falecimento virtual, dona Tetéia volta à web com força total.

Mas, como já passei dos 15 anos (digamos que bastante) tive um problema de amnésia. Não sei por que cargas d’água resolvi mudar a senha do meu blog no Blogger e esqueci completamente a minha senha.

Sem problemas. Isso acabou sendo um pretexto para começar do zero, com novas receitas e muitas dicas.

Curtam-se amigos!!